Blog / Gestão de TI

ROI é uma sigla em inglês que significa ‘Return on Investment‘ ou Retorno de Investimento. O conceito de ROI em ambientes TI começou a ser utilizado em 1977 pelo Grupo Gartner mas se disseminou no mercado somente na década de 90. No Brasil mais de 25% das corporações usam a métrica de ROI para avaliar como os investimentos afetam o negócio. Ele também auxilia as empresas na otimização da rotina do setor de TI, maximizando os lucros a médio e longo prazo.

 

Como medir o ROI em ambientes TI?

Uma fórmula simples para o cálculo do ROI nesses ambientes pode ser vista abaixo:

Em alguns casos, outros pontos podem ser levados em consideração, tornando a avaliação do ROI menos quantitativa. Nesses casos, características de investimento indireto, como o ganho de produtividade e a satisfação do consumidor, também são inseridas no cálculo do ROI.

De forma resumida, quando alguém pergunta sobre ROI está realmente perguntando: O que eu recebo (retorno) com o dinheiro que eu estou investindo?

Adaptando o ROI ao setor de TI

O setor de TI envolve, além do desempenho de cada colaborador, detalhes relacionados à infraestrutura — que é um fator essencial. Com essa diferença perante áreas como a de Contábeis e Marketing, uma adaptação é necessária para que se possa calcular corretamente o ROI.

A base do cálculo deve considerar o número de falhas e o tempo perdido com a indisponibilidade do sistema. Assim será possível calcular, por exemplo, a quantidade de horas pagas aos colaboradores no momento em que estiveram impossibilitados de realizar suas atividades.

Exemplo: para mensurar o ROI de um funcionário, deve-se, primeiramente, somar os custos que a empresa tem com ele — salários, tributos e demais custos — , dividir o valor pelo total de dias no mês em questão e, por fim, dividir pela carga horária.

Com esse cálculo será possível obter o valor bruto que a empresa paga por hora a cada colaborador. E para saber os custos que a empresa teve em decorrência de falhas e indisponibilidades, basta somar a quantidade de tempo pelos custos/hora de cada funcionário afetado.

Fontes:

 Przyczynski, RETORNO SOBRE INVESTIMENTO (ROI) EM TI. 2006., 

CIO

TestingCompany

Polo IT

 

 

Assine nossa Newsletter

Receba nossas Novidades diretamente no seu e-mail

Nos comprometemos a manter suas informações pessoais sob sigilo, para uso exclusivo em nossa lista de contatos.

Compartilhe nas Redes Sociais