Blog / Notícias

A cidade de Nova York deu início ao projeto de substituir os velhos orelhões por pontos de internet wi-fi gratuita nos principais bairros da cidade. Dois pontos já foram instalados na Rua 15 com a 3ª Avenida e na Rua 17, e o acesso à internet será liberado ao público nas próximas semanas.

A previsão é de que em oito anos todos os 7.500 orelhões de Nova York sejam substituídos por pontos de internet gratuita em um raio de 50 metros.

Além de fornecer internet gratuita aos novaiorquinos, os pontos oferecem ligações gratuitas para qualquer telefone dentro dos Estados Unidos, telas sensíveis ao toque para navegação na internet e portas USB para recarga de bateria de dispositivos móveis. As informações pessoais de quem utiliza os pontos de acesso ficarão seguras, pois o acesso será criptografado.

De acordo com Colin O’Donnell, diretor de inovação da Intersection, empresa contratada para o projeto, a previsão é de que até o meio deste ano sejam instalados 510 pontos de acesso e em cinco anos, que a cidade tenha 4.550 pontos espalhados pelos seus cinco maiores bairros. O’Donnell também estima que até 2024 todos os 7.500 orelhões da cidade sejam substituídos.

O acesso à internet com velocidade de 1 Gbps para qualquer pessoa num raio de 50 metros será mais veloz que a internet residencial de grande parte dos novaiorquinos.

O projeto, que foi anunciado ainda em 2014, será financiado em parte pela exibição de anúncios nas telas dos pontos de acesso, podendo gerar US$ 500 milhões em receita nos primeiros 12 anos.

 

Fonte: Folha de São Paulo

Assine nossa Newsletter

Receba nossas Novidades diretamente no seu e-mail

Nos comprometemos a manter suas informações pessoais sob sigilo, para uso exclusivo em nossa lista de contatos.

Compartilhe nas Redes Sociais