Blog / Cloud Computing

 Muitos acreditam que o conceito de Cloud Computing surgiu próximo dos anos 2000 quando começavam a aparecer os primeiros modelos que utilizamos hoje, mas esse conceito já tinha idealizadores desde a década de 1960.

Um deles remete ao trabalho desenvolvido por John McCarthy. Falecido em outubro de 2011, o pesquisador foi um dos principais nomes por trás da criação do que conhecemos como inteligência artificial, com destaque para a linguagem Lisp, até hoje aplicada em projetos que utilizam tal conceito.
Além desse trabalho, John McCarthy tratou de uma ideia bastante importante no início da década de 1960: computação por tempo compartilhado (time sharing), onde um computador pode ser utilizado simultaneamente por dois ou mais usuários para a realização de determinadas tarefas, aproveitando especialmente o intervalo de tempo ocioso entre cada processo.

Quase que na mesma época, o físico Joseph Carl Robnett Licklider entrou para a história ao ser um dos pioneiros da internet. Isso porque, ao fazer parte da ARPA (Advanced Research Projects Agency), lidou com a tarefa de encontrar outras utilidades para o computador que não fosse apenas a de ser uma “poderosa calculadora”.

Nessa missão, Licklider acabou sendo um dos primeiros a entender que os computadores poderiam ser usados de maneira conectada, de forma a permitir comunicação de maneira global e, consequentemente, o compartilhamento de dados. Seu trabalho foi determinante para a criação da Intergalactic Computer Network, que posteriormente deu origem à ARPANET, que por sua vez “abriu as portas” para a internet.

Já nos anos 70 a IBM lança o sistema operacional V.M. (Máquina Virtual), que permitia montar diversos sistemas virtuais em um único nó físico, permitindo que vários usuários trabalhassem em um único Mainframe ao mesmo tempo.

IBMsystem-370, Mainframe que utilizava o Sistema operacional VMO acesso aos Mainframes era feito através de “Terminais burros” ficando o Mainframe com a responsabilidade de todo o processamento.

O sistema operacional V.M. da IBM foi pioneiro e já utilizava conceitos que são os padrões hoje em Cloud Computing, permitindo que cada usuário usasse sua porção de memoria, processamento e outros recursos.

 

IBMsystem-370, Mainframe que utilizava o Sistema operacional VM

Nos anos 80 e 90 acontece o grande Boom da internet, com o acesso ficando cada vez mais fácil e comum. Com lançamento do PC pela IBM em 1981 e posteriormente em 1984 o lançamento do Machintosh, o processamento estava deixando de ser centralizado, saindo da exclusividade dos Mainframes.

Salesforce e o primeiro SaaS 

A Salesforce foi fundada em 1999 por Marc Benioff, ex-executivo da Oracle, e hoje é uma das maiores empresas de Software do mundo, trabalhando exclusivamente com sistemas baseados em nuvem.

Durante seu lançamento a Salesforce lançou o Salesforce.com, primeira solução que oferecia aplicativos empresariais através de um site comum, o que é hoje denominado Cloud Computing, se tornando assim o primeiro SaaS (Software como serviço) do mundo.

O Caso da Amazon

amazon-web-services

A Amazon foi fundada em 1995 e teve um forte crescimento no mercado, passando de uma simples revendedora de livros online para uma grande empresa de varejo online, e logo começou a expandir seus domínios pelo mundo, como o amazon.co.uk, do Reino Unido e Amazon.de, na Alemanha.

Devido a grandes picos de acesso sazonais em datas comemorativas como Natal, Dias dos Pais e a Black Friday nos EUA, a Amazon se viu obrigada a investir fortemente em infraestrutura, construindo enormes Datacenters para suportar o tráfego desses acessos.

Mas e durante as épocas normais do ano, essa enorme infraestrutura ficaria subutilizada? Assim surgiu a ideia de disponibilizar para locação os recursos computacionais sobressalentes.

Já em 2002, a Amazon disponibilizava diversos serviços como computação e armazenamento com o Mechanical Turk, que serviam para gerar renda alugando a capacidade de computação ociosa da Amazon.

Em 2006 a Amazon lançou o Elastic Compute Cloud (EC2) que oferecia a possibilidade de adquirir uma completa infraestrutura de TI como serviço, pagando de acordo com o uso, conceito que hoje define o IaaS (Infraestrutura como Serviço).

Com o tempo diversas empresas começaram a utilizar o termo Cloud Computing, incluindo as grandes como Microsoft, Google e IBM, fazendo com que o termo tenha o status que tenha hoje.

Um dos grandes fatores que influenciaram o crescimento e a força do Cloud Computing foi o Mobile.

Os dispositivos móveis quando foram lançados, tinham pouco poder de processamento, mas os smartphones já contavam com rápido acesso a internet, o que foi fortalecendo a ideia de utilizar o processamento na nuvem enquanto apenas o resultado desse processamento era mostrado na tela do usuário, conceito esse que remete ao da utilização dos Mainframes como dito no começo do texto.

Assim, hoje já encontramos soluções na nuvem para praticamente todas as áreas de negócio e surgem novas tecnologias nesse modelo todos os dias.

Fonte: Infowester | CloudMarket


Entre em contato com um de nossos consultores e saiba quais os benefícios do Cloud Computing para sua empresa.

ENTRAR EM CONTATO COM UM CONSULTOR MAGNET

Compartilhe essa página